segunda-feira, 9 de abril de 2007

Confiando: Mercado (tomates)

Não é a primeira vez que isso me aconteceu. Ontem, escolhi e paguei 1 kg de tomates, mas esqueci-me de os levar comigo. Já na mota, um miúdo magrito, talvez o filho ou assistente do vendedor de legumes, vem a correr para me entregar o saco devido. Com um sorriso e sem lições de moral.

2 comentários:

  1. Observador3:35 da tarde

    Acho mais graça aos relatos em que você é enganado. Desculpe pela sinceridade.

    ResponderEliminar
  2. Sergio Mascarenhas5:49 da tarde

    É verdade, já me aconteceu várias vezes e com coisas bem mais valiosas do que tomates. Por exemplo, uma vez já no aeroporto em Deli com um grupo de músicos portugueses uma das artistas dá-se conta de que tinha deixado uma sacola no taxi onde tinha documentos e coisas de valor. Ficámos sem saber que fazer quando à porta vemos o motorista do taxi a fazer grandes sinais e com a sacola na mão! (Ele tinha recebido uma boa gorjeta dada pela mesma artista que se esquecera da sacola mas, mesmo assim,...)

    ResponderEliminar