quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Aqui Tailândia e Portugal na Tailândia

Basílica de Santa Cruz, Bangecoque

Mais uma recomendação bloguítica, desta vez de um conterrâneo (José Martins) em Bangecoque que mantém um espaço que é uma autêntica aventura pelo passado português no Sião e pelo presente e futuro da diplomacia e cultura portuguesa naquele reino. Aqui Tailândia, e Portugal na Tailândia.

Este último é uma iniciativa excelente (e atempada) para comemorar o 500º aniversário da chegada dos portugueses ao Sião. A seguir noutros cantos da Ásia lusófona?

5 comentários:

  1. Hoje venho ser chata e fazer correcções...esqueceste-te do "c" em Basílica de Santa Cruz; e o link para "Aqui Tailândia" não está a funcionar.

    Acho que foste contactado há uns meses ou já anos por uma amiga minha portuguesa, Rita (que vivia ao meu lado na residência em Paris). Ela entretanto partiu algumas vezes para o Oriente na descoberta de vestígios arqueológicos portugueses. já esteve nomeadamente na Tailândia, Cambodja, Vietname e Laos. Fez belas descobertas!
    Raquel *

    ResponderEliminar
  2. Olá, desde Lisboa.

    Parabéns pelo blogue! É bom saber que há tanto que nos une.
    Tenho ficado fascinado com os seus artigos e espero, num futuro breve, visitar, pelo menos, Goa.

    Abraço,
    José Dias

    ResponderEliminar
  3. Antunes Ferreira4:21 da manhã

    Chamo, por brincadeira, ao José Martins - Fernão Mentes? Minto Martins... Mas, ao contrário desse Pinto que tantas vezes inventava o que escrevia, o Zé Martins - não.

    Conheço-o há uns bons anos. É um Homem dos Sete Ofícios. Desde ter trabalhado em poços de petrólio lá pelas Arábias, até ter ensinado o Excelentissímo Senhor Beleza, Bébé, a correr montes e vales na floresta, ele já fez (quase) tudo.

    Da Tailândia, sabe como poucos. Dois bons Amigos, os Embaixadores Martins Janeira, expert do Japão, já falecido, e Mello Gouveia primeiro em Banguecoque, depois em Tóquio bastas vezes falaram comigo sobre o Martins.

    O Blogue é um achado. A sua filha Maria, o seu ídolo. O Zé Fernão Mentes? Minto Martins vai ficar nos anais portugueses no Oriente, ai isso vai. Como - não sei. Mas que vai, vai...

    ResponderEliminar
  4. Gostei das palavras bonitas.
    Vou continuar!
    Abraços para todos
    De Banguecoque
    José Martins

    ResponderEliminar
  5. Resposta à Raquel:
    Conheço a Rita e é minha amiga há cerca de três anos. É uma moça inteligente e interessada em tudo que diga respeito à presença, histórica, de Portugal na Tailândia.
    Saudações
    José Martins

    ResponderEliminar